Acesse aqui: Plataforma Logística | Internet Banking Logística | Rede Credenciada

4 piores formas de perder dinheiro com sua logística

4 piores formas de perder dinheiro com sua logística

Todo mundo quer saber como fazer mais dinheiro, mas você já se perguntou se a sua empresa tem formas de PERDER dinheiro?

E o que a sua área logística tem a ver com isso?

De acordo com a Associação de Gestão de Despesas de Veículos, 75% das empresas não tem nenhum serviço de gestão de despesas! Por isso te dizemos: existe uma grande chance do seu negócio fazer parte dessa porcentagem.

E a gente sabe que um dos objetivos do setor logístico é o de otimizar o seu dinheiro. Então temos que ter um olhar atento para 3 pilares: o transporte, a manutenção de veículos e a demanda dos clientes.

Hoje viemos te ajudar com a otimização do transporte. Tá preparado?

Separamos as 4 piores formas de perder dinheiro com seu transporte logístico. Vem conferir como evitar que sua empresa sofra com um deles.

Formas de perder dinheiro: tempo de deslocamento logístico

Você sabia que 50% do tempo de uma entrega é desperdiçado com o deslocamento? Por exemplo, trânsito ruim, tempo usado para achar uma vaga em estacionamento, etc.

Uma forma simples de evitar que isso aconteça com sua frota é investir na roteirização da viagem. Sim, isso mesmo que você leu, investir

Até porque não adianta querer economizar verba se você não estiver gastando com o que vai te trazer mais retorno, né?

Bom, para otimizar seu roteiro você precisa conferir alguns pontos:

  • Tempo de deslocamento total;
  • Qualidade da via a ser percorrida, para evitar custos com manutenção;
  • Mapeamento de possíveis hotéis para pernoite e dos locais de alimentação;
  • Mapeamento de estacionamento ao longo do percurso;
  • Quantidade e o preço dos pedágios;
  • Estradas com o menor trânsito;
  • Estradas mais seguras para seu motorista e sua carga.

Com base nessas informações você vai conseguir identificar a rota de melhor custo e benefício. Além de diminuir o tempo total de deslocamento e aumentar a produtividade da sua área.

Tão importante quanto otimizar o tempo de deslocamento, é ter uma forma eficiente de monitoramento de dados a fim de encontrar outros meios de economizar. Vamos entender isso juntos?

Formas de perder dinheiro: falta de monitoramento de dados

O monitoramento de informações é essencial. Seja para a tomada de decisão assertiva ou para garantir uma logística eficiente, essas informações são a chave.

E só acompanhando seus dados de maneira transparente que você poderá fazer uma análise objetiva dos fatos!

E o que isso significa?

Significa que existem algumas informações mais óbvias que outras, mas que você precisa acompanhar ambas. Como, por exemplo, as informações de quilometragem do veículo e o comportamento defensivo de seus motoristas.

Com base em algumas informações você poderá tomar decisões estratégicas e assertivas. Definir melhor suas rotas, diminuir o tempo de deslocamento citado no primeiro item e claro, economizar dinheiro são alguns exemplos.

Outro ponto importante de acompanhar é o preço do combustível, já que é um ativo bem caro nos dias de hoje.

O planejamento de rotas por si só já irá reduzir seu custo aqui, mas você deve conferir de perto o consumo diário por parte dos veículos para conseguir evitar gastos excessivos.

Um terceiro ponto a se ter em mente é a manutenção dos veículos, tanto a preventiva quanto a corretiva.

Se acontecer de um de seus automóveis quebrar na estrada ou não poder sair da garagem por mal funcionamento, isso te custará muito dinheiro. Portanto, esse tipo de erro não pode ser aceitável na sua gestão.

Por isso, alguns acompanhamentos são necessários. Como conferir se seus condutores estão usando a direção defensiva certo ou se seus automóveis estão sendo dirigidos por outras pessoas.

Também é importante realizar a gestão de CNH e agir preventivamente para evitar que seus motoristas sofram penalidades, como perder pontos ou ter a carteira suspensa.

Esses pontos a serem monitorados permitirão a melhoria na sua operação, redução de custos e acidentes.

Felizmente, a tecnologia existe para facilitar esse trabalho e puxar o freio nas despesas. Vamos te explicar como ela pode se tornar sua aliada!

Formas de perder dinheiro: tecnologia na logística

Cada vez mais o mercado e o consumidor final, exigem que as empresas otimizem seus processos e potencializem suas entregas. Até mesmo, para acompanhar o ritmo acelerado do mercado.

Portanto, a tecnologia te ajuda a fazer entregas mais ágeis, econômicas e com menos erros humanos. Além disso, você pode ter o controle do seu estoque em tempo real.

Porém, fique atento! O mal uso dessa tecnologia pode se voltar contra a sua empresa.

Preste atenção em alguns pontos que podem atrapalhar o desempenho da sua logística:

  • Aumento de inconsistências e erros humanos;
  • Repetições de processos (automatização de pagamentos e emissão de relatórios de desempenho, por exemplo);
  • Baixa previsibilidade sobre o futuro da empresa.

A compra, instalação e uso correto de ferramentas digitais é vital no mercado logístico hoje.

Além de te ajudar a reduzir custos a médio prazo, ela também irá aumentar sua produtividade, colocando sua empresa no páreo com as concorrentes.

Formas de perder dinheiro: rastreamento de mercadoria

Fazendo um gancho com o tópico anterior, um dos benefícios do uso de tecnologias eficientes é o rastreamento da sua frota. 

Ou seja, você consegue acompanhar em tempo real o trajeto de uma mercadoria, melhorando ainda mais a gestão da sua logística.

Com esse recurso, você estará preparado para tomar atitude diante de situações inesperadas. 

Além disso, será mais fácil identificar os riscos na via e melhorar o seu atendimento ao consumidor, afinal você estará munido com informações confiáveis e atualizadas sobre o envio.

Sabemos que a estocagem de produtos é um dos grandes gargalos financeiros das transportadoras, por isso a otimização das entregas é tão importante.

Com o rastreamento eficiente, você terá maior previsibilidade nas metas de entrega, possibilitando a redução de custos com armazenamento in loco.

Perceba que todos os 4 gargalos estão conectados entre si, pois quando falhamos em uma etapa isso gera uma consequência direta em outra, impactando todos os setores da empresa.

Para aumentar a produtividade e eficiência da sua frota, comece com a implantação de soluções simples e imediatas. Ah, mas não se esqueça de contar com parceiros de confiança para isso, ok? Otimizar a eficiência da sua frota está a um toque de distância, conte com o apoio do Target Bank clicando aqui.

Quer saber mais sobre o Target Bank e como temos soluções incríveis para seu negócio? Nos siga no Instagram e no Linkedin.

Inscreva-se para acompanhar nossas novidades!

Quem leu esse artigo também gostou de:

CIOT: O que é e como fugir das multas!
Target Log
Target Bank

CIOT: O que é e como fugir das multas!

Você sabia que rodar sem o CIOT ou adulterar valores combinados na contratação do frete pode gerar multas pesadas tanto para quem contrata quanto para quem é contratado? Essas multas podem chegar a dez mil e quinhentos reais, entre outras penalidades administrativas previstas por lei.

Mas antes de irmos a fundo no tema multas, vamos entender o que significa o CIOT e como ele funciona.

Leia mais

Target Bank

SAC Caminhoneiros

(21) 3030-9100
Capitais

0800-282-22-12
Demais localidades

SAC Contratante

(21) 3500-5111

  • Av. Embaixador Abelardo Bueno, 1111, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, 22775-039
  • Canal de Ética
  • Código de Ética
  • Política de Privacidade
  • CIOT Gratuito
  • Rendimento CIOT

O Target Bank não realiza qualquer atividade privativa de instituições financeiras, como financiamentos e/ou empréstimos. Essas operações são realizadas por meio de agentes bancarizadores parceiros que são devidamente autorizados pelo Banco Central do Brasil (Bacen) a atuarem como credores em favor de terceiros.

Informações complementares referentes ao Empréstimo: valor mínimo R$1.000,00 e máximo de R$2.000.000,00. Prazo de pagamento de 1 a 60 meses. Taxa de juros pode variar de 1,29% a.m. a 4,50% a.m. Antes de contratar sua linha de crédito, consulte custo efetivo total, as taxas de juros, tributos, tarifas, pagamentos a terceiros, seguros e demais condições específicas.
Exemplo: Empréstimo de R$190.000,00 para pagar em 30 dias, com juros de 1,59% a.m., CET de 28,3783% ao ano, índice de correção monetária: prefixado, juros de R$3.036,27, IOF de $960,53 e total a pagar de R$193.996,80.”